Confiante, Luis Henrique não se intimida com pressão: 'Já existia na base'

  • Vitor Silva/Botafogo

Fazer gols nunca foi uma tarefa difícil para o jovem Luis Henrique. Tratado como joia no clube alvinegro, o atacante não se intimida e afirma estar se acostumado a lidar com a pressão de ser a principal referência de ataque da equipe do técnico Ricardo Gomes.

"Essa pressão já existia na base. Não e comparara com pressão do profissional, subiu Ribamar, temos essa briga saudável na posição. Já fizemos bons ataques na base. Amizade próxima com ele também. Somos jovens ainda, temos muito o que evoluir", afirmou Luis Henrique.

Apontado com uma das promessas do futebol brasileiro, o atacante afirma que está focado em construir uma carreira de sucesso no Botafogo e que evita pensar no assédio de clubes do exterior.

"Eu lido como certa pressão, reconhecimento do trabalho que venho fazendo desde a base do Botafogo. Mas busco sempre estar melhorando aqui, assim vou ter reconhecimento pelo mundo afora. Quero fazer meu trabalho, fazer meus gols, ajudar o Botafogo e futuramente pensar em propostas", disse o atacante.

Confiante, Luis Henrique finalizou comentando sobre o seu desejo de ajudar o Brasil a conquistar a inédita medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 2016.

"Eu estou no lugar certo, Botafogo é o clube que mais leva à Seleção no Brasil. Tenho que fazer minha parte, não vejo como sonho, e sim realidade. É uma possibilidade, uma meta", disse Luis Henrique.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos