Opinião: Barcelona, mestres da dosagem

O Barcelona se impôs sobre a Unión Deportiva Las Palmas dosando suas forças, dado que na terça-feira enfrenta o Arsenal pela Liga dos Campeões. Obviamente, a equipe de Luis Enrique recebe poucas críticas, mas a maioria das que escuta se referem precisamente ao fato de não matar as partidas quando sobram ocasiões para fazer. "Quem brinca com fogo se queima" é uma frase recorrente entre os culés atualmente. E claro, no fim chegará o dia do incêndio. Ninguém ganha eternamente. Mas por enquanto, não se queimam. Seguem com uma série invicta que já vem desde o início de outubro e que já devorou o recorde de Carlo Ancelotti (31).

Tudo bem ser exigente, pois o plantel é luxuoso. Mas ninguém descarta que esses jogadores são maestros da dosagem. Mas ganhar tudo, e vão buscar isso outra vez, não dá para jogar 60 partidas a 100%?, em quinta marcha e acelerando. Às vezes é necessário reduzir à quarta ou à terceira para não queimar o motor. E por enquanto não queimaram. Isso também é uma virtude.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos