Jornal: Mourinho chega a acordo com United e aguarda demissão de Van Gaal

  • Eddie Keogh Livepic-9.dez.2015/Reuters

A temporada ruim de José Mourinho, que resultou na demissão do Chelsea, parece não ter abalado o prestígio do treinador no Velho Continente. Inclusive, o "Special One" deve seguir na Terra da Rainha. Segundo o jornal "The Sun", o português chegou a um acordo para dirigir o Manchester United na semana passada.

A publicação afirma que Mourinho fechou um "acordo de cavalheiros" com o vice-presidente executivo do United, Ed Woodward, em uma reunião que contou também com a presença do empresário do treinador, Jorge Mendes. Teria ficado definido no encontro que o português só será anunciado como novo comandante dos Diabos Vermelhos quando o holandês Louis Van Gaal, muito pressionado devido aos resultados ruins da temporada, for demitido.

O fato pode acontecer em caso de derrota nesta segunda-feira Shrewsbury Town, time da Segunda Divisão, na Copa da Inglaterra, ou então em caso de eliminação na Liga Europa para o Midtjylland, da Dinamarca, que venceu o jogo de ida pelo placar de 2 a 1. No entanto, uma clausula no contrato de Van Gaal, que o próprio "The Sun" revelou, pode adiar o fim do casamento.

Contudo, não foi apenas o United que esteve na caça de Mourinho. O jornalista Diego Torres, do "El País", revelou que o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, passou o mês passado inteiro negociando um retorno do português para a capital espanhola na próxima temporada.

O jornalista declarou inclusive que o mandatário merengue não mediria qualquer esforço financeiro para viabilizar a volta de Mourinho. Como se vê, o momento ruim pelo qual o treinador passou no Chelsea nesta temporada não afetou seu valor de mercado no Velho Continente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos