Jovem de 18 anos estreia pelo United e torna-se o herói da classificação

Louis van Gaal entrou no Old Trafford nesta quinta-feira em um dos jogos em que mais estava pressionado desde que assumiu o clube. Depois da derrota fora por 2 a 1 para o modesto Midtjylland, era cobrado demais para garantir a vaga. Com problemas no elenco, apostou em alguns jovens. E foi um deles que o herói. Rashford, de 18 anos, que entrou em campo pelo time profissional pela primeira vez, marcou dois e comandou a vitória por 5 a 1, que deixa os Red Devils nas oitavas de final da Liga Europa. Memphis também se destacou.

O Manchester United teve vários desfalques, outros jogadores foram poupados. Rooney, De Gea, Schweinsteiger... Todos indisponíveis. Para piorar, Martial se machucou no aquecimento e o jovem Rashford, de apenas 18 anos, entrou em campo pela primeira vez no time profissional, já como titular, e deixou o dele. Outros garotos como Joe Riley e Guillermo Varela foram titulares.

Mesmo com os vários problemas, o Manchester United teve domínio do jogo. Muito mais posse de bola, bem mais finalizações durante todo o tempo. Porém, quem não faz, leva. Logo no primeiro ataque do Midtjylland, o jovem Pione Sisto, que já tinha marcado na ida, voltou a brilhar. Recebeu na área, entortou Blind, deixou Carrick no chão, e chutou cruzado tirando do argentino Romero.

O gol não fez o Manchester United se desanimar e o time inglês continuou em cima. Mas acabou que as jogadas inpiduais que foram mais efetivas. Memphis fez bonita jogada pelo lado esquerdo, partiu para cima, foi à linha de fundo e tocou para a pequena área. Bodurov acabou marcando contra.

O Manchester ainda teve a chance de ficar na frente do marcador. Pênalti. Mata foi para a bola, cobrou no cantinho, mas sem muita força. Andersen foi bem e defendeu.

No segundo tempo o Manchester continuou em cima. Mas Sisto teve nova bela chance, mas desta vez não conseguiu marcar, Romero foi mais rápido e a bola não chegou ao atacante.

E então começou a se destacar o jovem Rashford. Após cruzamento, a bola passou por todo mundo, Mata foi buscar lá na linha de fundo e tocou para trás. Foi parar nos pés do garoto, que não desperdiçou. Conforme o tempo passava, o United atacava mais. E acabou sendo premiado. E a garotada que garantiu o resultado. Varela foi à linha de fundo, travou e cruzou buscando Rashford, que finalizou com firmeza para garantir a classificação suada.

Na reta final, o Midtjylland não teve mais forças para reagir, e o Manchester United ainda marcou mais um de pênalti. Dessa vez quem cobrou foi Herrera, e guardou. Na sequência, Memphis fez o dele em bom chute de fora da área.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos