Após mudanças, Corinthians vê adaptação de reforços como 'questão de tempo'

  • Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Tite insistiu até semana passada em manter a equipe titular do Corinthians apenas com jogadores remanescentes da última temporada, mas mudou de ideia antes de encarar o Oeste, último compromisso de preparação até o Independiente Santa Fé em duelo nesta quarta-feira, na segunda rodada da Copa Libertadores. Agora, a equipe que entra em campo na Arena Corinthians já tem Guilherme, Giovanni Augusto e André em sua formação ideal, com Maycon, Ángel Romero e Danilo no banco de reservas. Feitas as mudanças, o treinador espera atingir o maior nível de entrosamento possível para os compromissos da equipe no Paulistão e também na competição continental.

 

Sábado, logo após a vitória por 1 a 0 diante do Oeste, Tite disse que "é difícil quantificar o ponto em que estamos, porque é uma equipe em formação, com um espaço para crescimento e entrosamento". Porém, o treinador seguiu a entrevista coletiva após a sétima rodada do Campeonato Paulista argumentando que "nas construções, a equipe esteve um pouquinho abaixo do normal". Tite ainda citou Guilherme como exemplo de jogador que ainda está "retomando o ritmo" e, portanto, pronto para apenas 45 ou 60 minutos, "porque depois disso ele perde a coordenação fina". 

 

Nesta segunda-feira, no primeiro dia de preparação antes de enfrentar o Santa Fé na Arena Corinthians, o meia Rodriguinho foi perguntado novamente sobre o tema relativo ao entrosamento dos novos jogadores. Titular em 2016, o camisa 26 acredita que a sequência de jogos fará com que Guilherme, Giovanni Augusto e André se adaptem ao esquema de Tite e às exigências da temporada. 

- O jogador precisa de resultados para a confiança dele atingir o máximo. É importante quando ele faz gols, dá passes, isso ajuda e motiva, e são os jogos que vão te dando essa confiança. É questão de tempo para eles se adaptarem, porque são inteligentes e técnicos, além de o Tite dar condição. Aqui tem uma diferença em relação aos outros clubes pela forma de jogar, pela competitividade imposta pelo Tite. Mas rapidinho eles vão estar em um nível bem legal - explicou Rodriguinho, autor de um gol dos 11 marcados pelo Corinthians em jogos oficiais na temporada.

 

A lista de artilheiros da temporada, aliás, é aberta por Lucca e Romero, com dois gols cada. Além deles e de Uendel e Yago, Guilherme, André e Giovanni Augusto já marcaram pelo Timão pela primeira vez.

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos