Olimpia é derrotado em casa e se complica na Libertadores

O Olimpia, agora comandado pelo espanhol Fernando Jubero, ficou em péssima situação no Grupo 7 da Libertadores. Nesta terça-feira, jogando em casa, no Estádio Defensores de Chaco, em Assunção, o time paraguaio foi derrotado pelos mexicanos do Pumas por 2 a 0, gol de Quiñónes e Sosa. Foi a segunda derrota do Olimpia, lanterna do grupo, sem ponto.s Já o Pumas reassume a liderança isolada, agora com seis pontos, deixando Emelec e Táchira pidindo o segundo lugar com três pontos.

O resultado mostra o péssimo momento do Olimpia, lanterna no Campeonato Paraguaio (quatro pontos em sete rodadas), lanterna da Libertadores e com apenas uma vitória em nove jogos em 2016.

O time paraguaio jogou em cima do adversário no primeiro tempo, teve duas boas chances em chutes de fora da área, mas cometeu muitas falhas defensivas no primeiro tempo. Felizmente contou com a sorte de ver Quiñónes errar todos os arremates, o que fez o placar ficar no 0 a 0 na primeira etapa.

O Pumas voltou com Britos no lugar de López e foi ele quem iniciou a jogada do primeiro gol do Pumas, que saiu aos seis minutos, após um vacilo total do Olimpia. Britos levantou para a área, tentando achar Sosa. A bola era toda de Salcedo, que tentou tirar de bicicleta e errou. A sobra ficou com Quiñónes, na cara do goleiro e desta vez ele não perdeu.

O Olimpia foi com tudo, Núñez acertou o travessão no minuto seguinte, Salcedo cabeceou um escanteio rente à trave esquerda de Barreto, aos 14 minutos. Sempre faltava alguma coisa.

O Pumas passou a explorar os contra-ataques e, aos 24 minutos, chegou ao segundo gol no lance mais bonito da partida. Após o time recuperar a bola na intermediária, Herrera dominou e fez um lançamento perfeito para Sosa. O craque disparou e entrou sozinho na área, dando um toquinho na saída do goleiro Palacios.

No fim, aos 44 minutos, o Pumas teve tudo para ampliar. Num lance que mais  parecia troca de passes de um treinamento, por três vezes o time mexicano ficou na cara de Palacios, que fez duas grandes defesas e abafou uma bola enquanto todo o sistema defensivo paraguaio apenas assistia. Somente após este lance pavoroso da sua defesa foi que alguns torcedores do Olimpia vaiaram a equipe que faz o pior início de temporada da história de um gigante, tri-campeão sul-americano e que vem jogando futebol de nanico.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos