Volta ao Ninho: apesar de reformado, há muito o que fazer no CT

O Flamengo voltou ao Ninho do Urubu na manhã desta terça-feira. O centro de treinamento apresentou algumas melhorias em relação ao ano passado, principalmente para os jogadores, nas partes internas. No entanto, ainda há muito o que fazer, especialmente no que diz respeito à pavimentação do local.

Neste primeiro contato com o Ninho em 2016, encontramos alguns problemas e coisas para melhorar. Logo na entrada, uma tenda que recebia pais de meninos que treinam no clube estava com problemas, com uma parte caída. Devido às chuvas que atingiram o Rio, o CT está com algumas poças d'água e um pouco de lama numa das áreas destinada à imprensa, à beira do campo onde treinaram os profissionais. 

Apesar de parte da obra ter sido entregue ao elenco profissional, ainda há muito trabalho no centro de treinamento. Os operários do local acompanharam parte do treino desta terça-feira à beira do gramado. Alguns caminhões com material de construção entraram e saíram do Ninho enquanto o treino era realizado. Os chamados módulos 16 e 17, que vão receber os profissionais ao fim dos trabalhos no CT, devem ser entregues em dezembro.

O presidente rubro-negro, Eduardo Bandeira de Mello, esteve no local e acompanhou parte do treino dos jogadores profissionais. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos