Bahia recebe o Vitória buscando encerrar tabu de seis jogos no clássico

  • Felipe Oliveira/Getty Images

    Bahia não vence o Vitória há seis clássicos

    Bahia não vence o Vitória há seis clássicos

O primeiro Ba-Vi da temporada reserva um clássico repleto de temperos para os torcedores baianos. Além de tentar firmar suas campanhas na primeira fase do Campeonato Estadual, Bahia e Vitória trazem uma série de tabus em jogo no embate deste domingo, às 16h, na Fonte Nova.

Do lado do Tricolor baiano, a luta é para ratificar seu 100% de aproveitamento na temporada (incluindo também jogos da Copa do Nordeste) com direito a um triunfo sobre o maior rival. Já o Leão visa conter o ímpeto do adversário, mantendo um tabu de seis jogos, e garantir sua presença nas semifinais do Baiano.

DORIVA MINIMIZA TABU, E TENTA MONTAR BAHIA APESAR DE DESFALQUES

Nem mesmo a tentativa de "blindar" o Bahia diante da pressão e da série de escritas foi suficiente para afetar Doriva. O treinador reconheceu que está ansioso por seu primeiro Ba-Vi, mas minimizou a escrita pela qual a equipe passa:

"Esse friozinho na barriga é natural nesses momentos que antecedem um jogo histórico como o Ba-Vi. Obviamente que estou ansioso para participar de um jogo como esse. É um jogo importante, que temos que estar concentrados. Eu não me incomodo com isso de tabu. Temos que estar e estamos focados no campeonato. Vamos buscar a vitória porque é um jogo importante. A gente sabe da paixão do torcedor e queremos presenteá-los com a vitória",

O treinador terá de se desdobrar para montar a equipe. Os laterais Moisés e Tinga, os volantes Danilo Pires e Gustavo Blanco e o atacante Hernane. A tendência é de que Juninho volte ao meio, e Zé Roberto seja a referência do ataque.

MANCINI JOGA FAVORITISMO PARA RIVAL, MAS EXIGE VITÓRIA FORTE

O mistério foi a tônica do Vitória às vésperas do clássico, que a equipe precisa vencer para consolidar a liderança do Grupo 1 sem depender de combinação de outros resultados. O técnico Vagner Mancini fechou as atividades à imprensa, mas indicou que terá as baixas do goleiro Fernando Miguel e Guilherme Mattis. Em compensação, o volante Willian Farias e o meia-atacante Marinho estarão à disposição.

O estigma de favoritismo ficou do lado da Fonte Nova. Mancini declarou que o Bahia está com superioridade no ano, mas garantiu que o Vitória será um adversário forte:

"É um jogo que pode decretar um estímulo emocional, uma energia extra para a sequência campeonato. Temos só o estadual, o Bahia tem a Copa do Nordeste, terá outros jogos, com adversários tão difíceis como nós. É um jogo importante, faz com que tenhamos um primeiro teste mais forte. Embora tenhamos uma equipe mexida, o Bahia tem um ligeiro favoritismo. Jogou mais, não perdeu ainda. Temos que ter uma postura boa para enfrentar essa equipe", afirmou.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos