Internacional cede empate no Beira-Rio e segue em quinto no Gauchão

Após 18 dias sem atuar no Beira-Rio, o Internacional voltou a entrar em campo diante do seu torcedor na tarde deste domingo. Mas o Colorado não atingiu o objetivo esperado no duelo direto contra o São Paulo de Rio Grande, pela nona rodada do Campeonato Gaúcho. Sasha abriu o placar, mas Cidinho deixou tudo igual, decretando o 1 a 1. Resultado que mateve o Leão do Parque em quarto no Estadual, com o Inter, que soma os mesmos 15 pontos, em quinto.

O Internacional - que não atuaria como mandante nas quartas de final caso a fase de classificação terminasse nesta rodada - volta a atuar no Gauchão no próximo domingo, quando visitará o Lajeadense, na Arena Alviazul, às 16h. Já o São Paulo, no mesmo dia e horário, receberá o Passo Fundo, no Aldo Dapuzzo.

INTER SAI NA FRENTE COM SASHA

O Internacional tratou de e impor logo nos primeiros minutos, trocando passes com velocidade e tentando envolver o time de Rio Grande em seu campo de ataque. Tática que surtiria efeito logo aos seis minutos. Vitinho, de volta ao time titular, recebeu de Aylon e deixou Sasha na boa. O camisa 9 finalizou sem chance para Deivity, enquanto os jogadores do São Paulo reclamavam, sem razão, de impedimento. Inter 1 a 0.

O São Paulo, trabalhando melhor a bola, conseguiu ganhar terreno e levar perigo ao gol de Alisson com o passar dos minutos. Mas o Inter foi mais efetivo. Andrigo, aos 20, teve boa chance. Dez minutos depois, a envolvente jogada pela direita do ataque terminou com a conclusão de Sasha. O Colorado teve mais posse de bola e mostrou mais qualidade quando chegou ao ataque. Já o São Paulo, apesar do mesmo número de finalizações - quatro -, pecou nas conclusões.

SÃO PAULO CHEGA AO EMPATE

O Inter tinha um objetivo para o segundo tempo: chegar ao segundo gol para ter mais tranquilidade no decorrer da etapa final. A esperada pressão veio, mas não foi tarefa das mais simples transpor a marcação adversária. Aos 16 minutos, Argel optou pela entrada de Alex e, aos 22, ele deixou Aylon na boa. Mas a finalização do atacante colorado não teve a força necessária.

Se o Inter tinha mais posse de bola e volume de jogo. Foi o São Paulo que, enfim, conseguiu ser efetivo. Guto Dresch iniciou a jogada e serviu Romano. O lateral-esquerdo cruzou na medida e o baixinho Cidinho superou Artur para, de cabeça, deixar tudo igual aos 29 minutos. O Colorado ensaiou certa pressão nos minutos finais e quase marcou novamente. A boa jogada de Fabinho, já deslocado para a lateral direita, terminou com a bicicleta de Aylon. A bola, caprichosamente, foi na trave esquerda, mas não entrou.  

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 1 SÃO PAULO-RS

Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)

Data-hora: 13/3/2016 - 16h

Árbitro: Eleno Todeschini (RS)

Auxiliares: Alexandre Antônio Kleiniche (RS) e Luiza Naujorks Reis (RS)

Renda/Público: Não pulgados.

Cartões amarelos: William, Rodrigo Dourado, Fabinho e Vitinho (INT); Athos, Henrique e Romano (SPO)

Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Eduardo Sasha, 6'/1ºT(1-0) e Cidinho, 29'/2ºT(1-1).

INTERNACIONAL: Alisson; William (Marquinhos, 32'/2ºT), Réver, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Fabinho, Andrigo (Alex, 16'/2ºT) e Eduardo Sasha (Alisson Farias, 25'/2ºT); Vitinho e Aylon - Técnico: Argel Fucks.

SÃO PAULO-RS: Deivity, Raulen, Fernando Pinto, Luis Henrique e Romano; Henrique, Guto Dresch, Thiago Corrêa (Vitor Faíska, 25'/2ºT) e Athos (Diego Sapata, 16'/2ºT); Cidinho e Rafael Pilões (Guto, 16'/2ºT) - Técnico: Hélio Vieira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos