Lucas Moura fala sobre ausência na lista de Dunga: 'Não vou lamentar'

  • AFP PHOTO / JEFF PACHOUD

    Lucas não tem sido convocado

    Lucas não tem sido convocado

Um dos destaques da conquista do hexacampeonato francês do Paris Saint-Germain no último domingo, o brasileiro Lucas Moura optou por não entrar em polêmicas ao comentar a sua ausência na lista do técnico da Seleção Brasileira, Dunga, para os jogos diante do Uruguai e Paraguai pelas Eliminatórias da Copa-2018.

- Seleção é um objetivo, mas tenho que entender e aceitar. Dunga tem muirtas opções. Se ele não me escolheu, preciso continuar meu trabalho e me firmar cada vez mais como titular do PSG. A convocação é consequência e uma hora a oportunidade vai apararecer. Não vou lamentar a cada não-convocação - disse o meia ao programa "Bate Bola", do canal "ESPN Brasil", nesta terça-feira. 

O ex-São Paulo também falou sobre as possibilidades do PSG na Liga dos Campeões, onde a equipe está na quartas de finais. No programa, Lucas esbanjou confiança no time comandado pelo técnico Laurent Blanc.

- Acredito que temos força para levar a Champions. Tem anos que batemos na trave e não passamos pelas quartas. A cada temporada que passa perdemos jogadores, mas nos reforçamos bem, como o Di María este ano. Hoje, temos mais respeito e aumentamos a confiança dentro do elenco e da torcida, e nos acostumamos com decisões - frisou, citando Bayern de Munique e Barcelona, favoritos ao título:

- Não sabemos se vamos ser campeões, tem Barça e Bayern, mas tudo se torna imprevisível se se jogarmos como jogamos os dois jogos com o Chelsea. Acredito que podemos entrar, sim, na briga - afirmou Lucas.

São Paulo

Em relação ao São Paulo, nunca escondi o carinho que tenho pelo clube. Se estou no PSG, devo ao Tricolor. Tenho saudade do povo, do ambiente... de tudo. O São Paulo vive um momento delicado e não esta fácil para nenhum clube brasileiro. Aqui em Paris, aprendi com meus pais que, na vida, não é na primeira dor de barriga que jogaria tudo pelo alto.

Possível saída de Ibrahimovic

A permanência dele seria boa, mas com essa condição da Torre Eiffel está meio difícil (risos). Ele não falou nada dentro do grupo, mas, pelo o que se desenha, está complicado. Espero que ele fique no PSG.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos