Dani Alves destacou personalidade do Brasil no segundo tempo

Autor do gol de empate da Seleção Brasileira na partida desta terça-feira contra o Paraguai fora de casa, comentou sobre a dificuldade de jogar no Estádio Defensores del Chaco. Com primeiro tempo bem ruim, lateral-direito disse que quando não se consegue na técnica, tem que ir com personalidade e na raça.

- Um jogo com um grau de dificuldades muito alto, foi um adversário que nos eliminou na Copa América. Aqui a galera dificilmente joga, é só chutão para frente e tentam com suas armas causar danos em nossa defesa. Hoje deixamos alguns espaços, temos que corrigir e melhorar. Quando não da na qualidade, tem que ir na personalidade, no espírito e na garra, por que é o que nos caracteriza e nos fez chegar aonde estamos, na nossa carreira, em um grande clube com uma carreira vitoriosa.

O lateral-direito também comentou sobre a Seleção Brasileira não estar entre os primeiros e os que se classificam para a Copa do Mundo. Para ele, é seguir trabalhando, para conquistar vaga de forma antecipada.

- Não estamos satisfeitos com isso, sabemos que estamos trabalhando, empregando toda a nossa parte para conseguir devolver a seleção para o lugar que ela merece estar. Volto a insistir, nosso objetivo é a classificação antecipada e depois olhar mais a frente. Já vivi outras experiências aqui onde classificamos e até fomos campeões, mas no objetivo principal não conseguimos chegar. Queremos a classificação antes possível e para isso temos de lutar bastante e tem que se entregar ao máximo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos