Estádio de Esportes Aquáticos está praticamente pronto para testes

Prestes a receber os eventos-teste de natação (15 a 20 de abril) e natação paralímpica (22 a 24 de abril), o Estádio Olímpico de Esportes Aquáticos passa pelos últimos ajustes. Os assentos em cor verde e azul estão em fase avançada de fixação, a fachada foi instalada, a piscina principal está com água tratada e bem próxima de sua conformação definitiva, enquanto a piscina de apoio já foi preenchida com água.

A fase atual inclui pintura e acabamentos gerais da área de competição, acabamentos internos, detalhes de instalações elétrica, hidráulica e de aquecimento de água. As imagens da galeria abaixo, captadas em 29 de março de 2016, estão disponíveis em alta resolução e com opção de download. A instalação, de perfil temporário, exigiu investimento de R$ 225 milhões em recursos federais, com execução comandada pela prefeitura do Rio de Janeiro.

Após os Jogos, as instalações do Estádio Olímpico de Esportes Aquáticos serão transferidas a entes públicos. Os beneficiários estão sendo definidos por meio de Chamada Pública do Ministério do Esporte. A iniciativa tem como objetivo ampliar e nacionalizar o legado dos Jogos Rio 2016, já que entes de outros estados e municípios podem receber a estrutura utilizada no evento, formando um novo polo de treinamento e desenvolvimento do esporte no país.

A estrutura será desmembrada em três partes, sendo que cada entidade pública pode receber apenas uma. No primeiro pacote estão o galpão, a cobertura metálica e as arquibancadas modulares. Os outros dois pacotes incluem uma piscina olímpica pré-fabricada em cada um, mais o sistema de filtração, tubulações e conexões acessórias, sistema de aquecimento, blocos de partida e demais acessórios.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos