Ítalo Ferreira cai na semi em Bells Beach, e australiano fatura o 2º título

A última esperança do Brasil de faturar o título na etapa de Bells Beach (AUS) do Circuito Mundial de Surfe (WCT) acabou neste sábado. Ítalo Ferreira caiu na semifinal ao perder para o australiano Matt Wilkinson, que em seguida levantou a taça ao passar pelo sul-africano Jordy Smith. Foi a segunda conquista consecutiva do surfista, que já havia erguido a taça em Gold Coast.

Primeiro, Wilkinson passou por Ferreira com 17.27 pontos, contra apenas 12.40 pontos. Na decisão, o dono da casa fez 17.37, contra 14.16 de Smith.

O resultado faz o australiano disparar na ponta do ranking mundial. Ele soma agora 20.000 pontos, à frente do americano Conner Coffin, que tem 9.200. Smith está em terceiro, com 8.500. O melhor brasileiro é Ítalo, empatado em quinto lugar com o australiano Mick Fanning. Ambos somam 8.250.

- Eu venho tentando vencer em todos os lugares a vida inteira e nunca aconteceu. Este ano parece que estou pegando uns troféus, o que me faz me sentir muito bem. Estou tão feliz de estar em Bells. Venho para cá há tantos anos. Sempre quis vencer. Finalmente, eu tive a minha chance - disse o australiano ao site da Liga Mundial de Surfe (WSL).

Na disputa feminina, a americana Courtney Conlogue venceu na final a australiana Sally Fitzggibbons e assumiu a liderança do ranking, com 18.000 pontos, à frente da também australiana Tyler Wright (15.200).

A próxima etapa do cirtuito será em Margaret River (AUS), entre 8 e 19 de abril.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos