Mais um! Ramiro é diagnosticado com caxumba no Grêmio

Luan, Henrique Almeida e, agora, Ramiro. O departamento médico do Grêmio confirmou nesta segunda-feira que o volante foi diagnosticado com caxumba. Com isso, ele será desfalque diante de Brasil de Pelotas, pelas quartas de final do Gauchão, e contra a LDU, pela Copa Libertadores. Ele foi cortado da viagem para o Equador, que acontecerá ainda nesta semana.

Luan, primeiro jogador do Grêmio diagnosticado com caxumba, foi desconvocado das partidas da Seleção Olímpica contra Nigéria e África do Sul, mas já voltou a atuar e até marcou diante do Juventude, no último domingo. Henrique Almeida, por sua vez, vem se recuperado após ter sido diagnosticado na última sexta. Assim como Luan, ele também não será opção contra a LDU.

A ausência de Ramiro pode garantir mais trabalho para o técnico Roger Machado visando o duelo contra a LDU, principalmente. Ele seria opção para atuar na vaga de Maicon, que cumprirá suspensão automática no Equador. Ramiro vinha sendo titular na lateral direita após a lesão de Walace Oliveira, que já está recuperado.

A caxumba é uma infecção das glândulas parótidas (produtoras de saliva) e para a qual não há tratamento, um remédio específico. O próprio organismo é o responsável por combater o vírus. A transmissão da caxumba pode ocorrer pelo ar, por conta das secreções respiratórias de pessoas infectadas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos