'Vamos tentar irritá-los', diz técnico do Wolfsburg, sobre o Real Madrid

Nesta quarta-feira, o Wolfsburg recebe o Real Madrid no primeiro jogo das quartas de final da Liga dos Campeões. Em entrevista coletiva, o técnico do time alemão, Dieter Hecking, sabe que a missão é ingrata, mas revelou que os Lobos estão motivados para surpreender os Merengues.

"Temos uma grande oportunidade para mostrarmos o nosso jogo. Ninguém pensava que chegaríamos tão longe, mas continuo a dizer que isto pode não acabar por aqui. Vamos procurar as nossas chances. Se vencermos o Real Madrid, será uma sensação fantástica. É isso que queremos fazer amanhã (quarta-feira)", disse o treinador.

Hecking revelou que este é um dos jogos mais importantes da história do Wolfsburg.

"Estamos verdadeiramente entusiasmados desde o sorteio. Será este o maior jogo da história do clube? Já tivemos outras grandes partidas, mas esta é aquela que mais atenção atrai. Tudo é fantástico para cada um de nós e queremos mostrar porque continuamos nesta competição."

O comandante do Wolfsburg afirmou que não adiantar parar apenas Cristiano Ronaldo para conseguir um bom resultado na partida de ida das quartas de final. Para Hecking, a tática é irritar todo o time merengue.

"O Real Madrid tem alguns dos melhores jogadores do mundo. É um dos maiores clubes do mundo e um dos favoritos a vencer a Champions. Mas vamos tentar irritá-los e penso que a minha equipe é capaz de fazer isso mesmo. Parar Ronaldo não basta", concluiu.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos