De volta para a reserva, Giovanni busca espaço mantendo a paciência

Quando apareceu na escalação inicial do duelo contra o Madureira, no último sábado, Giovanni sabia que a oportunidade era ocasional. Desgastado, o lateral Wellington Silva, que vem atuando na esquerda, foi preservado e só entrou no segundo tempo na vaga do ala-direito Jonathan. Em campo, o camisa 6 teve uma boa participação e chegou a sofrer um pênalti, que Fred desperdiçou. Para o confronto desta quarta-feira, em Muriaé (MG), contra o Tombense, válido pela ida da primeira fase da Copa do Brasil, Giovanni deverá começar no banco de reservas. Mas o atleta garante seguir empanhado e com motivação.

- O Levir tem dado oportunidades, e agora tenho de continuar trabalhando forte para estar preparado. Todos estão encarando esta chegada dele como um recomeço. Independentemente de cansaço pela sequência de jogos, ninguém quer dar brecha e ficar fora de um momento importante que se aproxima - afirmou ele, que jogará a partida desta noite (21h45) caso Jonathan, poupado do treino de terça, fique de fora, o que não deve acontecer.

Aos 26 anos, Giovanni, acumula 37 partidas com a camisa do Fluminense e um gol. Ele está no clube desde janeiro de 2015 e chegou a ser titular no início da atual temporada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos