Semifinais da Copa do NE: Bahia arranca empate em Pernambuco

Em bom jogo, no Arruda, Santa Cruz e Bahia ficaram no 2 a 2 na primeira partida da semifinal da Copa do Nordeste. Hernani Brocador abriu o placar para o Bahia e Keno empatou num golaço, após driblar quatro. Na etapa final, Grafite virou o placar para o Santa, Mas Luizinho, de pênalti igualou tudo.

A volta será no domingo. Quem vencer avança e empates de 0 a 0 ou 1 a 1 favorecem ao Bahia. Quem avançar decidirá com o vencedor de Sport e Campinense (jogam hoje, em Recife, às 21h30 a partida de ida. O Esporte Interativo transmite).

O Bahia começou a partida com uma ousada marcação sob pressão na intermediária do Santinha, dificultando a saída de bola dos donos da casa. Num desses lances, após uma roubada, Hayner recebeu pela direita e chutou para defesa parcial de Tiago Cardoso. Hernani Brocador estava bem colocado e marcou 1 a 0 para o Bahia.

O Bahia recuou e isso levou o Santa Cruz, apoiado pela torcida, a sufocar e merecidamente chegar ao gol no lance mais bonito do jogo. Keno recebeu pela ponta esquerda, cortou para o meio driblando quatro marcadores e mandou uma bomba sem chance de defesa para Marcelo Lomba. Uma pintura.

No segundo tempo, o Santa Cruz foi muito melhor e a virada veio aos 12 minutos, quando Grafite recebeu na área, tirou o goleiro e tocou para o gol vazio. Aos 36, o técnico do Santinha Milton Mendes tirou Arthur e colocou Welington para segurar o resultado. Só que no minuto seguinte, na sua primeira participação, Wellington, após um cruzamento, colocou a mão na bola. Pênalti que Luizinho cobrou com violência e empatou.

No minuto seguinte Lelê perdeu gol feito para o Santinha. Em seguida começou um temporal que comprometeu o toque de bola das equipes e o fato mais marcante foi a expulsão boba de Lelê, que será importante desfalque para o Santa Cruz na partida de volta. 

No fim, o treinador Doriva disse que o Bahia fez o seu dever.

- Mostramos força. Fizemos dois gols e vamos decidir em casa. Será um jogo tenso, pois em clássico nunca é fácil sair vencedor, mas estamos na briga - disse o comandante do Bahia.

Hernani Brocador considerou que o empate teve sabor de vitória para o Bahia:

- Dois gols marcados fora conta muito. E estou bem confiante, pois lá na Fonte Nova seremos nós que teremos a torcida a favor, com casa cheia

Lucas Fonseca

Aos dez minutos de jogo, o zagueiro do Bahia Lucas Fonseca e o atacante Grafite se chocaram, batendo com a cabeça. Ambos foram medicados e voltaram a campo. Porém, aos 30 minutos, Lucas, sentindo tontura, foi substituído por Robson. O jogador foi levado para a ambulância atrás de um dos gols por lá ficou até o fim da partida, quando foi levado para um hospital de Recife para novos exames.

- Não foi nada grave, ele está bem e não corre risco algum. Apenas queremos exames mais completos - disse o médico do Bahia, Daniel Araújo, tranquilizando torcedores e parentes do jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos