Carlos não tem lesão diagnosticada e tranquiliza comissão do Atlético-MG

  • Bruno Cantini/Atlético MG/Divulgação

    Exame não identificou nenhuma lesão no tornozelo de Carlos

    Exame não identificou nenhuma lesão no tornozelo de Carlos

O Atlético-MG não deve ter problemas com o atacante Carlos. Após deixar o Mineirão, palco da vitória sobre o Melgar, do Peru, nessa quinta-feira (14), chorando e queixando-se de dor no tornozelo direito, o jogador foi submetido a exames e não teve lesão diagnosticada.

O atleta sofreu apenas uma entorse no local e reúne condições de trabalhar ao lado dos demais companheiros. Nesta sexta (15), ele participou de um trabalho físico na academia e também do treino regenerativo.

A goleada sobre a equipe peruana, válida pela sexta rodada do Grupo 5 da Copa Libertadores da América, marcou o retorno do atleta aos gramados depois de três meses se recuperando de uma cirurgia no mesmo tornozelo. Ele marcou o quarto gol do triunfo por 4 a 0 sobre o adversário sul-americano após substituir Juan Cazares, já na etapa complementar.

Carlos ainda não está confirmado para a partida deste domingo (17), diante da URT, pela semifinal do Campeonato Mineiro. O jogador, contudo, deve ser poupado pela comissão técnica de Diego Aguirre.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos