Rafael Andrade termina em 14º, mas sai satisfeito: 'Quebrei o gelo'

O brasileiro Rafael Andrade disputou nesta terça-feira as finais do Trampolim Acrobático, em evento-teste realizado na HSBC Arena. Após realizar suas duas séries, o atleta totalizou 101.870 pontos e terminou a disputa na 14ª posição. Com isso, não disputou a finalíssima do evento.

Mesmo assim, Rafael saiu satisfeito com o resultado apresentado. Para o atleta o mais importante durante uma competição que serve de teste é justamente conhecer o terreno e quebrar o gelo.

- Foi dentro do esperado no que diz respeito a ter completado as duas séries. Tava mais na expectativa de quebrar o gelo do ginásio. Nunca competi em um local tão grande e pela aparelhagem que vai ser usada nos Jogos - afirmou.

Rafael declarou que poderia ter ido um pouco melhor. Na sua avaliação, a segunda série foi determinante para a pontuação não ter sido mais alta.

- A minha primeira série fiquei muito satisfeito, até pelo fato de ter quebrado meu recorde pessoal. A segunda série que eu estava mais firme e achando que me sairia melhor tive que salvar e mudar. E por isso a nota não foi da maneira como esperava. Mas foi uma experiência boa de maneira geral - disse.

A técnica do brasileiro, Tatiana Figueiredo, afirmou que o intuito agora é aumentar o grau de dificuldade das séries de Rafael para que nos Jogos ele tenha a oportunidade de subir a média de pontuação que está habituado a realizar:

- A primeira passagem ele foi bem, mas na segunda teve alguns pequenos problemas, mas recuperou. Foi uma excelente experiência e daqui para frente só crescer até os Jogos. A série base ele já tem e agora é aumentar o grau de dificuldade dos saltos. Não imaginamos medalha, porque é muito difícil, mas sim atingir a maior pontuação da carreira dele, algo entre 104 e 105 pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos