Futuro de Deivid no Cruzeiro pode ser selado diante do América-MG

Um dia após o Cruzeiro não ter tido boa atuação no empate com o Campinense, pela primeira fase da Copa do Brasil, Bruno Vicintin, vice de futebol da Raposa, concedeu entrevista coletiva nesta quinta. E a diretoria celeste admite que o jogo do próximo domingo contra o América-MG, pela semifinal do Campeonato Mineiro, pode ser determinante para o futuro de Deivid como técnico do time.

O Cruzeiro precisa de uma vitória por dois gols de diferença após a derrota por 2 a 0 no jogo de ida.

- A gente não pode falar sim ou não (se Deivid será demitido em caso de eliminação para o América). Todos vivem de resultados. Mas não esperamos colocar pressão dessa na comissão e em jogadores. É claro que esperamos passar e chegar às finais - disse Vicintin, antes de completar o raciocínio:

- Não posso colocar pressão no treinador na coletiva. Mas é claro que pressão existe. Temos, como profissionais do futebol, de trabalhar com essa pressão.

O dirigente ainda explicou que uma demissão antes de um duelo tão importante não seria ideal:

- Trocar treinador a três dias de jogo decisivo seria precipitado. Oscilações são normais, a gente entende e assume a responsabilidade. Não estamos satisfeitos, mas temos de esperar o fim do trabalho.

A quinta ainda foi de reuniões de Vicintin e Thiago Scuro, diretor de futebol celeste, com a comissão técnica e, depois, com o elenco cruzeirense.

- O que discutimos lá dentro fica lá dentro. Mas foi conversa boa, em que mostramos que temos de melhorar. Esperamos que surta efeito - destacou.

O Cruzeiro soma 16 jogos na temporada sob o comando de Deivid, com dez vitórias, quatro empates e duas derrotas. A Raposa foi eliminada na primeira fase da Copa da Primeira Liga, está na semifinal do Mineiro e iniciou na última quarta sua participação na Copa do Brasil. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos