São Paulo volta ao Brasil com festa para Maicon e provocações a Denis

O São Paulo está de volta ao Brasil. Depois da classificação suada diante do The Strongest (BOL) para chegar às oitavas de final da Copa Libertadores da América, a delegação tricolor retornou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, por volta das 17h40 desta sexta-feira e foi recepcionada por mais de 30 torcedores no Aeroporto Internacional de Guarulhos.

O primeiro jogador a passar pelo saguão de desembarque foi Paulo Henrique Ganso. O meia, acionado somente no segundo tempo do empate em 1 a 1 em La Paz, recebeu aplausos dos presentes, distribuiu autógrafos, posou para fotos, mas não falou com a imprensa. Já o zagueiro Maicon, que foaii para o gol com a expulsão de Denis no fim do jogo, foi o mais assediado do elenco.

- Eu procuro trabalhar, fazer meu papel. Eu dou meu máximo, todos veem minha entrega no dia a dia. Tudo que eu puder fazer pela equipe eu faço, não meço esforços. Então o que puder fazer pra todo mundo eu vou fazer e não vou reclamar. Fico feliz com o carinho da torcida - agradeceu o zagueiro.

Maicon ouviu persos torcedores brincarem para pedir sua presença como goleiro titular do São Paulo no jogo de ida das oitavas de final contra o Toluca (MEX), marcado para a próxima quinta-feira, no Morumbi. E enquanto o beque aproveitava os frutos da grande atuação contra o Strongest, o goleiro Denis sofria com provocações e reclamações de torcedores mais exaltados. Um deles chegou a perguntar: "O que tá acontecendo, pô?".

- Não sou a única opção de goleiro aqui, são mais dois atletas capacitados (Renan Ribeiro e Léo). Nem sequer cogito que a diretoria vá contratar outro jogador para a posição agora. Não acredito que tenha falhado sozinho no lance do gol. Foi meu primeiro jogo na altitude e a bola estava rápida. É preciso analisar o lance como um todo - defendeu-se Denis, que viu Maicon já apontar seu favorito para atuar como goleiro contra o Toluca:

- Não sei se vai ser o Léo o escolhido, mas espero que seja ele. Tem o Renan que também pode voltar (aprimora a parte física depois de um quadro de apendicite no mês passado). Aí é com eles no dia a dia. Na próxima quinta-feira, se Deus quiser, estarei de zagueiro - opinou o defensor.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos