Rivais no Grupo 4, Huracán e Atlético Nacional agora duelam pelas oitavas

O confronto entre a pior e a melhor equipe da fase de grupos da Libertadores abre as oitavas de final da competição nesta terça-feira. Às 19h30 (de Brasília), o Huracán (ARG) recebe o Atlético Nacional (COL), no estádio El Palacio.

Coincidentemente, ambos os clubes caíram no mesmo Grupo 4 da primeira fase. Nos dois duelos, uma vitória dos verdolagas (por 2 a 0, fora de casa) e um empate (0 a 0, na Colômbia), que acabou com o 100% de aproveitamento do Atlético Nacional no torneio. 

Para tentar ir para a partida de volta com uma vantagem, o Globo vai buscar, diante de seu torcedor, furar a defesa adversária, que ainda não sofreu gols.

A provável escalação do técnico Eduardo Domínguez será: Marcos Díaz; José San Román, Martín Nervo, Federico Mancinelli, Luciano Balbi; Mauro Bogado, Lucas Villarruel; Daniel Montenegro, Mariano González, Alejandro Romero Gamarra; e Ramón Ábila.

O Atlético Nacional, por sua vez, é a equipe sensação da Libertadores e pretende manter o bom retrospecto, principalmente fora de casa, que é de três vitórias em três jogos, para avançar às quartas.

O treinador Reinaldo Rueda deve escalar os seguintes jogadores: Franco Armani; Gilberto García, Felipe Aguilar, Davinson Sánchez, Farid Díaz; Sebastián Pérez, Marlos Moreno, Andrés Ibargüen, Alejandro Guerra; Jonathan Copete e Víctor Ibarbo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos