Presidente do Barcelona : 'Somos os líderes indiscutíveis do mundo'

O Barcelona pode ter sido eliminado na Liga dos Campeões ainda nas quartas de final, e ter a liderança do Campeonato Espanhol ameaçada. Porém, para o presidente do clube catalão, isso não mancha em nada a reputação do Barça. Para Josep Maria Bartomeu, a equipe comandada por Messi, Neymar, Suárez e Iniesta, segue sendo a grande referência mundial da modalidade.

- A liderança do Barcelona não tem a ver com o fato de ganharmos ou perdermos. Ganhando ou não, somos os líderes indiscutíveis do mundo. Estamos em uma situação desportiva em que estamos satisfeitos. A gente vem de um "triplete". Neste ano, não vamos conseguir, mas tentaremos um "doblete", que seria mágico. Este clube só conseguiu seis vezes - disse o dirigente, fazendo referência ao Campeonato Espanhol e à Copa do Rei:

- Temos uma situação que não há mais como melhorar, com jogadores admiráveis. Esta posição também é fruto da maneira diferente de jogar, de ter um estilo próprio e que todos se identificam.

O dirigente voltou ainda a exaltar Johan Cruyff para a construção da história do Barcelona. O holandês, eterno ídolo do clube catalão, que morreu neste ano, foi recordado ao lado de Tito Vilanova, que foi auxiliar de Pep Guardiola e comandou o time após sua saída, mas acabou morrendo ainda jovem.

- Queria fazer uma lembrança a Johan Cruyff. Vocês que puderam ver, viram quando chegou em 1973 como jogador, e em 1988 como técnico... Sem ele, a posição atual do Barça não seria essa. Uma lembrança também a Tito Vilanova, uma pessoa muito importante do ponto de vista esportivo. Perdemos pessoas importantes, mas o legado continua - completou Bartomeu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos