Judocas do Brasil ficam sem medalha no primeiro dia do Grand Slam de Baku

Os judocas brasileiros não tiveram o resultado esperado no primeiro dia de disputa do Grand Slam de Baku, no Azerbaijão, nesta sexta-feira. Dos quatro representantes do Brasil que subiram ao tatame, nenhum conseguiu uma medalha. Os melhores desempenhos foram de Érika Miranda (52kg) e Rafaela Silva (57kg), com dois quinto lugares.

Enquanto isso, Eric Takabatake (60kg) e Felipe Kitadai (60kg) foram eliminados antes.

Érika chegou até a semifinal, quando foi derrotada pela italiana Odette Giuffrida por ter uma punição a mais (3 a 2). Já na disputa pela medalha de bronze, a brasileira caiu diante da mongol Bundmaa Munkhbaatar por ter sofrido um wazari.

Já Rafaela teve seu primeiro tropeço nas quartas de final para a japonesa Tsukasa Yoshid. Em seguida, após passar pela primeira luta da repescagem, ela ficou sem um lugar no pódio ao cair diante da chinesa Tongjuan Lu por conta de uma punição.

Na disputa masculina, Kitadai caiu nas oitavas de final para o britânico Ashley Mckenzie, que também derrotou Takabatake na repescagem.

Neste sábado, outros três atletas brasileiros entram no tatame: Marcelo Contini (73kg), Keleyn Quadros (63kg) e Maria Portela (70kg). Já no domingo lutam Luciano Corrêa (100kg), Rafael Buzacarini (100kg), Rafael Silva (+100kg) e David Moura (+100kg).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos