Neymar vai ter sua cláusula de rescisão no valor de R$ 880 milhões

Um dos principais astros do Barcelona, Neymar não deve vestir outro uniforme na próxima temporada. Nesta terça-feira, o jornal "Mundo Deportivo" informa que Neymar está perto de renovar o seu vínculo por mais três anos (de 2018 para 2021) e, assim, ter sua cláusula de rescisão aumentada em 30 milhões de euros, para 220 milhões de euros (aproximadamente R$ 880 milhões).

Caso Neymar assine o novo contrato, que só poderá ser firmado depois de julho deste ano, o camisa 11 passará a ficar abaixo, em termos econômicos, apenas de Messi, que tem sua cláusula de rescisão no valor de 250 milhões de euros (cerca de R$ 1 bilhão).

Em relação ao seu futuro salário, o diário "As" tem mais detalhes. De acordo com uma reportagem do veículo no último mês, o atacante brasileiro tem o desejo de quintuplicar o ganho anual - ou seja, passar dos atuais 9 milhões de euros (R$ 35,8 milhões) para 45 milhões de euros (R$ 179 milhões).

PSG teria desistido de Neymar

O jornal francês "L'Equipe" afirma nesta terça que o Paris Saint-Germain, que, assim como Real Madrid e Chelsea, estava interessado em Neymar, não deve mais tentar o altíssimo investimento no astro.

O sonho do PSG era contar com Neymar, na mira do clube francês há um tempo considerável, para substituir à altura Zlatan Ibrahimovic, que está em fim de contrato e não deve renovar com os franceses.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos