Dana White nega venda do UFC, mas estipula valor para negociação

Na última terça-feira (11), foram ventiladas notícias de que os donos do UFC estavam negociando a venda da organização para investidores chineses. A informação foi veiculada pela ESPN americana.

Logo após a divulgação da possível venda da franquia, o presidente do UFC, Dana White, se manifestou através do programa "Dan Patrick Show" e garantiu que a organização não está à venda.

- Nós não estamos à venda. A história da ESPN é exagerada. Estamos sempre trabalhando em acordos e na expansão global. O dia que decidirmos vender, eu provavelmente não vou querer mais fazer isso - disse White, estipulando um preço para a organização.

- Darren Rovell não é muito adepto a fatos reais. Os fatos que ele dá não podem ser levados à frente. No entanto, se aparecer alguém com US$ 4 bilhões (cerca de R$ 13,8 bilhões), o assunto é outro e definitivamente podemos sentar e conversar tranquilamente - encerrou.

O jornalista americano rebateu o presidente do UFC e garantiu que há pelo menos três fontes que confirmaram as grandes chances da maior organização de MMA do planeta ser vendida.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos