Ministro visita arenas olímpicas, vê avanços e quer dar cargo a ex-atleta

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, fez nesta sexta-feira uma visita ao Parque Olímpico do Rio, que receberá diversas competições da Rio-2016. Picciani, além das Arenas do Futuro e Carioca e do Parque Aquático, esteve também no Velódromo, que é a obra mais problemática e atrasada a quase dois meses para início dos Jogos. Mas não adotou discurso de preocupação.

- A expectativa é a mais positiva possível. Pudemos verificar que a maioria dos equipamentos está pronta para os Jogos. O que ainda não estão, a fase é finalíssima de obras e ajustes. O Velódromo, que é o mais distante da conclusão, está com 88% da obra e será entregue em junho. Temos a confiança renovada - afirmou Picciani.

Em fase de reformulação da equipe ministerial, já que assumiu uma semana atrás, Leonardo Picciani confirmou que o desejo é reservar a secretaria de Alto Rendimento para um ex-atleta. Bernard Rajzman, ex-jogador de vôlei, rejeitou o convite.

- Fizemos um convite ao Bernard, mas em razão dos compromissos com o COI ele não pode participar. O convite é para um atleta olímpico. Estou conversando com uma pessoa específica. No início da semana tem uma reunião. Se der certo, anunciaremos- completou Picciani, ressaltando que o quadro técnico do Ministério não será alterado:

- Vai ficar absolutamente toda a equipe de técnicos que estavam na gestão do projeto olímpico. as mudanças serão pontuais, apenas nas funções de confiança, gerenciais, nas secretarias nacionais. O corpo técnico permanece inalterado. Os consultores são os mesmos. Estamos em fases de ajustes finais, conclusão do projeto.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos