Jogadores do São Paulo lamentam derrota em casa: 'Quem não faz toma'

O revés dentro de casa para o Internacional por 2 a 1 já seria ruim para o São Paulo, mas para os jogadores ela teve um gosto ainda mais amargo por conta da maneira como ela aconteceu, uma vez que o time teve mais chances que o adversário mas não conseguiu concretizá-las. Algo em que os gaúchos foram mais eficientes.

A falta de pontaria do time e a dificuldade para definir foi diagnosticada por alguns atletas na saída de campo. Um deles foi o zagueiro Maicon, que aproveitou para criticar a falta de atenção e utilizou uma antiga expressão futebolística para explicar o resultado.

- Faltou um pouco de atenção, deixamos eles fazerem dois gols. Tivemos oportunidades de empatar, até de abrir o placar no começo do jogo, em algumas ocasiões em que podíamos ter definido melhor. Quem não faz toma - afirmou.

Já Ganso, lamentou a perda de pontos dentro de casa e acredita que a equipe deveria ter administrado melhor a posse de bola, já que o jogo se encaminhava para o final e o Tricolor contava com um homem a mais em campo.

- Quando a gente teve um homem a mais não deveríamos ter arriscado tanto, por já estar no fim do jogo. Tomamos o contra-ataque. Acho que tinha que trabalhar mais a bola. Todo mundo tem que estar bem posicionado para a gente vencer dentro de casa. Não podemos perder pontos - finalizou.

Na próxima quarta-feira o São Paulo vai até o Paraná para enfrentar o Coritiba, no Couto Pereira, às 21h. O jogo é válido pela 3ª rodada do Brasileirão-2016.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos