Clima esquenta e torcida protesta após empate do Flamengo

O clima esquentou após o empate entre Flamengo e Chapecoense, por 2 a 2, na noite desta quarta-feira, em Volta Redonda. Revoltados com a crise que atinge o futebol do clube, torcedores rubro-negros protestaram ao fim do jogo. De acordo com a reportagem da Fox Sports, alguns objetivos foram atirados em direção ao ônibus da delegação, ainda no estacionamento do Estádio Raulino de Oliveira.

A Polícia Militar agiu rápido e conteve os mais exaltados. Um grande grupo de PMs fez um cordão de isolamento e acalmou os ânimos após muitos protestos.

O goleiro Paulo Victor e o lateral-esquerdo Jorge foram os principais alvos da ira da torcida. Eles foram xingados durante e após o jogo. O atacante Emerson também foi criticado. O time foi chamado de 'sem vergonha' e Jayme xingado de 'burro' durante a partida.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos