Em noite de Bruno Rangel, Chape vence Coritiba em jogo equilibrado

A Chapecoense visitou o Coritiba na noite desta quarta-feira e contou com grande atuação de Bruno Rangel para sair com a vitória. Jogando na Vila Capanema, os catarinenses venceram o time paranaense por 4 a 3, com três gols do camisa 9 e um de Lucas Gomes. Rafael Marques, Ortega e Juninho fizeram para o Coxa. Jogo foi válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Time da casa reclamou de um pênalti para a Chapecoense que não houve.

Com a vitória desta noite, a Chapecoense ocupa agora a quarta colocação com nove pontos conquistados. O Coritiba é 16º com quatro. Na próxima rodada, os catarinenses recebem o Fluminense, sábado, às 20h30. No mesmo dia e horário, o Coxa visita o Corinthians, em São Paulo.

O JOGO

A primeira etapa de partida em Curitiba foi eletrizante. As duas equipes foram em busca do gol desde os primeiros minutos. Precisando do resultado o time da casa conseguiu abrir o placar na primeira descida ao ataque. Após cobrança de González, Rafael Marques subiu mais que a zaga da Chape marcou para o Coxa.

Em desvantagem, a Chapecoense saiu para o jogo e aos poucos foi tomando conta da partida. Marcelo cabeceou bem, mas parou nas mãos de Wilson. Aos 23 minutos, Juninho derrubou Bruno Rangel dentro da área e o árbitro deu o pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança e deixou tudo igual. Seis minutos depois, João Paulo quase fez um golaço para o Coritiba, mas Danilo se esticou todo para evitar o segundo gol do time da casa.

Aos 37 minutos, a Chapecoense teve mais um pênalti a seu favor. Segundo o árbitro, Rafael Marques cortou a bola com a mão dentro da área. Bruno Rangel cobrou com perfeição e ampliou para os visitantes. Antes do apito final, Hyoran acertou um lindo chute de fora da área e viu Wilson fazer bela defesa.

Assim como no primeiro tempo, a Chapecoense voltou melhor e Cléber Santana quase ampliou de fora da área, mas Wilson estava atento e fez outra boa defesa. Por conta da chuva e do gramado pesado, o jogo ficou muito amarrado no meio-campo e equipes diminuíram um pouco do ritmo.

Empurrado pela torcida, o Coritiba tentou um pressão e conseguiu chegar ao empate aos 21 minutos da segunda etapa. Após passe de Dodô, Ortega teve tranquilidade e tirou de Danilo para estufar as redes. O Coxa era superior, mas a Chapecoense contava com Bruno Rangel em grande noite. Aos 36, Lucas Gomes cruzou para o camisa 9 fazer o terceiro dele na partida.

O Coritiba até tentou ir em busca do empate mas o time catarinense estava bem na marcação. Quando o resultado parecia definitivo, Lucas Gomes saiu em contra-ataque rápido e tocou por cima de Wilson, fazendo um lindo gol. O Coritiba até fez mais um com Juninho no último lance da partida, mas de nada adiantou.

CORITIBA 3 X 4 CHAPECOENSE

Quinta rodada da Série A do Brasileiro

Data e Hora: 01/06/2016 - 21h (de Brasília)

Local: Vila Capanema, em Curitiba (PR)

Árbitro: Pablo dos Santos Alves (PB)

Auxiliares: Luis Filipe Gonçalves Correa (PB) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)

Cartões amarelos: Rafael Marques, César Benítez, João Paulo, Negueba e Vinicius (CFC); Bruno Rangel, Danilo, Cléber Santana e Gimenez (CHA)

Cartão vermelho: Não Houve

Público/renda: 2.852 pagantes - R$ 31.920,00

Gols: Rafael Marques, 09'/1ºT (1-0); Bruno Rangel, 23'/1ºT (1-1); Bruno Rangel, 39'/1ºT (1-2); Ortega, 21'/2ºT (2-2); Bruno Rangel, 36'/2ºT (2-3); Lucas Gomes, 44'/2ºT (2-4); Juninho, 48'/2ºT (3-4)

CORITIBA: Wilson; Dodô, Rafael Marques, Juninho, Benítez; João Paulo, Thiago Lopes (Vinícius, Intervalo), Juan, César González (Ruy, 18'/2ºT); Negueba (Evandro, Intervalo) e Ortega. TEC: Gilson Kleina.

CHAPECOENSE: Danilo; Gimenez, Marcelo, Thiego, Dener; Josimar (Moisés, 10'/2ºT), Hyoran (Arthur Maia, 22'/2ºT), Cléber Santana; Lucas Gomes, Silvinho (Lourency, 29'/2ºT) e Bruno Rangel. TEC: Guto Ferreira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos