Mostra quem manda! Botafogo pega o Santos por recuperação e história

Além da recuperação que Botafogo e Santos correm atrás, o duelo de hoje tem muitas histórias. Assim como os palcos de um dos maiores clássicos do futebol brasileiro também são marcantes. Desta vez, é o Pacaembu que pode ver o equilíbrio entre as equipes, no estádio, se transformar em hegemonia. Começa às 11 horas e o site do LANCE! fará transmissão em tempo real.

São 17 jogos entre os times no Paulo Machado de Carvalho - nome oficial do estádio paulistano - com quatro vitórias para cada lado e nove empates. A mais importante igualdade, para o Glorioso, faz pouco mais de 20 anos: aquele 1 a 1 que garantiu o título do Campeonato Brasileiro, em 1995. Gol de Túlio.

- As histórias dos dois clubes são lindas e vitoriosas. É um grande clássico do futebol mundial. Nós, que representamos as equipes atualmente, nos sentimos orgulhosos. Será um grande espetáculo. Apesar dos desfalques dos dois times, quem entrar vai dar o melhor - afirma Anderson Aquino, que deve vestir a camisa 7 do Botafogo.

Mesmo que a última lembrança do Glorioso em duelos no estádio seja péssima, aquela derrota por 5 a 0, em 2014, foi pela Copa do Brasil. Em Brasileiros (com este nome desde 1971), o time de General Severiano nunca perdeu no local do jogo de hoje. São seis partidas, sendo a última em 2010. Vitória por 1 a 0, gol de Loco Abreu.

- Se fosse na Vila Belmiro, poderia ter uma pressão negativa da torcida, para eles. Por ser no Pacaembu, fica neutro. Precisamos aguentar a pressão e jogar - diz Aquino.

A partida entre os alvinegros pode definir também o dono da hegemonia em Brasileiros, contando também Roberto Gomes Pedrosa e Taça Brasil. São 19 vitórias para cada lado e 18 empates.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos