Estreante em tribunais, Yago lamenta manchar seu currículo por doping

"Como é que eu vou explicar 30 dias de suspensão por doping no meu currículo?". Ao mesmo tempo em que se mostrou aliviado pela sanção de apenas 30 dias imposta pela 2ª Comissão Disciplinar do TJD-SP, em julgamento realizado na sede da Federação Paulista de Futebol, o zagueiro Yago, do Corinthians, disse estar profundamente triste por ter manchado seu currículo com algo que entende não ser de sua alçada.

- Ao mesmo tempo que eu estou mais tranquilo, aliviado por essa pena, eu lamento muito isso, é algo que vai sujar meu currículo para sempre, nunca vai sair. Acusado e punido por doping sendo que não fiz nada, não tenho culpa de nada, é muito complicado isso, sou pai de família, venho de uma família íntegra também, correta - disse o beque, logo após a sessão, ainda visivelmente abatido pelo julgamento.

O relator do processo e o presidente da mesa, Dr. Luíz Roberto Martins Castro e Dr. Leandro Silva Teixeira Duarte, respectivamente, votaram pela sanção do jogador por 180 dias. No primeiro parecer, justamente o do relator, Yago, que estava presente no plenário, abaixou a cabeça e quase chorou. O alívio veio apenas com os votos dos auditores: suspensão por 30 dias. Era a primeira vez do corintiano em tribunais.

- Cara, é complicado demais isso, eu nunca tinha ido a julgamento, nem conhecia isso, me apego muito em Deus, à minha família, mas foi um momento muito nervoso. Eu fiquei bem angustiado. Graças a Deus, deu tudo mais ou menos certo, quando ele deu o primeiro voto, eu pensei: 'Deus, como eu vou ser punido tanto assim por algo que não fiz?' - completou.

Como a suspensão de 30 dias de Yago vai apenas até o próximo dia 10 de junho, o zagueiro estará à disposição de Tite para o confronto contra o Palmeiras, às 16h, no Allianz Parque, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo após o período conturbado, o beque garante estar com a cabeça boa para ser titular no Dérbi.

- Usei esse período para ver alguns jogos, ver o que meus companheiros estavam fazendo de bom. Psicologicamente eu volto muito bem, mais forte, minha filha acabou de nascer, me apeguei nisso. Estou pronto, pronto para virar essa chave, esquecer isso e jogar sem problema algum, Tite pode contar comigo, sim - completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos