Santos não renova parceria e deixa de estampar logo da Unicef no uniforme

  • Friedemann Vogel/Getty Images

    Organização teve seu logo exibido em diferentes partes da camisa santista

    Organização teve seu logo exibido em diferentes partes da camisa santista

Desde 2014, quando ainda era comandado pelo ex-presidente Odílio Rodrigues, o Santos fechou parceria com a Unicef, órgão das Nações Unidas que tem por objetivo a defesa dos direitos das crianças, e estampava o logotipo da organização em seu uniforme. A parceria, entretanto, era uma ação social e não tinha como objetivo a obtenção de recursos para o clube.

A atual gestão do presidente Modesto Roma Júnior, entretanto, não se interessou por continuar com a parceria, mantida pelo projeto Muito Além do Futebol, também parceiro do Santos. Desde abril, quando o contrato entre as partes se encerrou, o Peixe não estampa mais o logo da Unicef espalhado por seu uniforme.

A parceria consistia no Peixe incentivar, através de ações dentro e fora dos gramados, seus torcedores a doarem para o órgão, que luta pelo direito das crianças. Como logo estampado no uniforme, o departamento de comunicação organizava estratégias para levar apoiadores à Unicef.

Com a parceria, o Santos não tinha qualquer retorno financeiro. O objetivo era apenas apoiar uma causa nobre e promover as ações da ONG, incentivando torcedores a apoiarem. Na Europa, por exemplo, o Barcelona paga para ter o logotipo da Unicef estampado em seu uniforme, enquanto o Peixe não desembolsava qualquer quantia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos