Com Bruno de volta, Bauza define São Paulo para pegar o Furacão

  • AP Photo/Juan Karita

O São Paulo está pronto para encarar o Atlético-PR, às 21h de sábado, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Salvo algum problema de última hora, o Tricolor terá em campo no Morumbi a mesma formação que bateu o Cruzeiro por 1 a 0 no último fim de semana. E isso só acontecerá porque o lateral-direito Bruno está recuperado de problema muscular.

O camisa 2, que renovou seu contrato com o clube até dezembro de 2017 há dois dias, tem fadiga na coxa direita e perdeu os primeiros treinos da semana por isso. Nesta quinta-feira, porém, o ala foi utilizado por Edgardo Bauza sem restrições na equipe titular, que disputou treinamento coletivo de pouco mais de 40 minutos contra o time reserva.

A escalação principal contou com Denis, Bruno, Lugano, Maicon e Matheus Reis; João Schmidt, Thiago Mendes, Kelvin, Ytalo e Centurión; Calleri.

Com dores no joelho direito, Centurión pediu para deixar o coletivo e foi substituído por Daniel. O meia atuava na equipe reserva, que passou a ter Lucas Fernandes como armador. Outra mudança feita por Bauza, essa já no fim da atividade, foi a saída de Kelvin para que Auro assumisse a ponta direita. O camisa 30 também foi liberado mais cedo para realizar recuperação física.

Em contrapartida, quatro jogadores saíram do Reffis para complementar o treino com corrida em volta do gramado sob supervisão do fisioterapeuta Ricardo Sasaki: o lateral-esquerdo Carlinhos, os volantes Hudson e Wesley e o meia Michel Bastos. O camisa 7, aliás, é quem está mais perto de voltar de lesão e já pôde treinar de chuteiras nesta quinta.

A preparação do Tricolor para encarar o Furacão termina nesta sexta-feira, às 9h. O trabalho final será realizado no Morumbi, palco da partida de sábado e a imprensa terá entrada autorizada somente às 10h30.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos