Sem Suárez e de ressaca, Uruguai cumpre tabela contra a Jamaica

O torcedor do Uruguai quando pegou a tabela da Copa América edição centenária imaginou que a terceira rodada do Grupo C seria apenas mera formalidade. Estava certo. No entanto, o cenário é completamente diferente do que até o mais pessimista uruguaio poderia acreditar. Afinal de contas, o encontro diante da Jamaica, em Santa Clara (EUA), às 23h (de Brasília), reúne duas equipes já eliminadas.

Os uruguaios, que perderam para o México e foram surpreendidos pela Venezuela na rodada passada, foram a maior decepção da competição até o momento. E o maior jogador da seleção, Suárez, foi aos Estados Unidos a passeio no fim das contas. Com um problema na perna direita, ele seria utilizado apenas na rodada final da chave. Como não tem chances de classificação, será poupado.

Contudo, o técnico Óscar Tábarez não pensa em mandar a campo uma equipe mista ou mesmo reserva. A tendência é que o treinador escale sua força máxima neste momento para encerrar a participação uruguaia de forma digna, ou seja, com uma vitória.

Já a Jamaica sabia desde a derrota para a Venezuela, na primeira rodada, que seria apenas um mero coadjuvante dentro da competição. O treinador Winfried Schäfer deverá repetir a equipe que foi derrotada pelo México por 2 a 0. No entanto, pretende aproveitar a maré ruim dos uruguaios para, quem sabe, surpreender na saideira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos