Jorginho admite má atuação do Vasco e pede desculpas: 'Não vai se repetir'

Para o técnico Jorginho, nada deu certo para o Vasco neste sábado. A equipe perdeu por 2 a 0 para o Paysandu, em São Januário, e o treinador não procurou desculpas. Apesar de reclamações dos jogadores em relação à falta no lance do primeiro gol, o comandante atribuiu o revés, principalmente, à falta de criatividade da equipe.

- Para nós, da comissão técnica, fica muito longe. Não tem como ter visão clara. Quando atacamos para cá (lado oposto ao que ficam os bancos de reservas), não adianta. O jogador vai pressionar, reclamar do erro, mas o determinante é que não fomos bem. Não tivemos a criatividade necessária, que normalmente temos. Tentamos definir sempre do mesmo lado que começamos a jogada - lamenta Jorginho.

Por outro lado, o treinador deixou no ar que não criticou tanto os jogadores no vestiário. E mandou um recado direto aos torcedores, que, em sua maioria, deixaram a Colina História antes mesmo do apito final.

- Sempre digo a eles que, quando vencemos, não está tudo bem, e, quando perdemos, não está tudo ruim. Que bom que os resultados não foram ruins. Peço paciência ao torcedor porque essa mesma equipe deu grandes alegrias. A gente fez um jogo ruim que não vai se repetir - cravou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos