São Paulo aproveita pausa por lesão e planeja cirurgia no ombro de joia

Não será de todo o mau o período de até oito meses sem que Lucas Fernandes possa defender o São Paulo. O Tricolor planeja aproveitar o tempo de inatividade para que o garoto faça uma nova cirurgia. Desde o ano passado, o meia tem sofrido com frequentes deslocamentos do ombro esquerdo e somente uma operação poderá corrigir o problema.

Havia uma resistência em realizar o procedimento no meio da temporada, já que seria possível minimizar os casos e Edgardo Bauza vinha utilizando a joia com frequência no Campeonato Brasileiro e até na Copa Libertadores da América. Com a ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, haverá tempo de sobra para que o ombro seja curado.

A cirurgia no joelho foi feita na última quinta-feira e durou cerca de 2h30. A alta dos médicos deve ser concedida neste fim de semana e a fisioterapia terá início na casa de Lucas. Assim que o inchaço no joelho diminuir, o tratamento passará a ser feito no Reffis do CT da Barra Funda. Já a operação no ombro está prevista para daqui um mês.

O meia deslocou o ombro em jogo contra o Coritiba, no Couto Pereira, e depois em treino no CT, na semana passada. Já a lesão no joelho esquerdo aconteceu na última terça-feira, já no fim de um treino em campo reduzido apenas com garotos do elenco. Ele marcava o centroavante Pedro ao lado de Luiz Araújo, que viu como tudo aconteceu.

- Foi no treinamento, numa jogada em que ele teve bastante azar, infelizmente. A gente fica bastante triste, preocupado, porque é um moleque do bem, jogou muito comigo na base e agora. Isso é muito ruim, espero que ele volte logo para nos ajudar. O Pedro acabou caindo no ombro machucado dele e ele soltou o peso do corpo no joelho. Foi azar - lamentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos