Klinsmann lamenta EUA 'bonzinho' diante da Argentina na Copa América

O técnico dos Estados Unidos, Jurgen Klinsmann, lamentou que o seu time tenha sido 'muito bonzinho' na goleada sofrida para a Argentina, na semifinal da Copa América Centenário. Para o treinador alemão, o primeiro gol dos hermanos foi crucial para a vitória.

- Eu acho que deu para ver claramente que, quando levamos o primeiro gol, nós tivemos muito respeito, e eles foram capazes de jogar o jogo deles - afirmou Klinsmann, antes de falar sobre o gol de falta de Lionel Messi:

- Eu acredito que, em geral, nós tivemos muito respeito e isso foi visto em pequenos incidentes. No gol do Messi, ele ficou adiantando a bola para frente na cobrança de falta. Eu fiquei gritando para o árbitro e o quarto árbitro. Se a falta fosse cobrada no lugar certo, ele não marcaria aquele gol. Essas são pequenas coisas que nós precisamos tentar e entender. Nós somos muito bonzinhos nesses momentos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos