Messi se diz feliz por superar Batistuta, mas avisa: "Viemos para ganhar"

Do UOL, em São Paulo

  • Bob Levey/Getty Images/AFP

    Com golaço de falta contra os EUA, Messi tornou-se o maior artilheiro do Argentina

    Com golaço de falta contra os EUA, Messi tornou-se o maior artilheiro do Argentina

Lionel Messi foi mais uma vez decisivo para a seleção argentina e colaborou diretamente para a classificação da equipe de Tata Martino à final da Copa América Centenário. Logo após a vitória por 4 a 0 sobre os Estados Unidos pelas semifinais, o camisa 10 exaltou a força do grupo argentino.

"Estamos muito felizes de poder voltar a jogar uma final. O que este grupo faz é impressionante. Trabalhos muitos e jogamos bem desde a primeira partida. Teria que ser a gente na final. Merecíamos", disse.

Messi foi autor do segundo gol no duelo diante dos anfitriões. A rede balançou após ele acertar um chutaço em cobrança de falta. Com isso, o craque chegou a 55 gols e se tornou o maior artilheiro da história da seleção argentina, superando Gabriel Batistuta.

"Estou feliz por ter superado Bati (Batistuta), mas estou aqui para outra coisa. Viemos para ganhar a Copa América', afirmou o craque do Barcelona.

Nesta quarta-feira, Chile e Colômbia se enfrentam, em Nova Jersey, para saber quem enfrenta a Argentina na grande final da Copa América Centenário, a ser realizada neste domingo. A decisão está marcada para às 21h (de Brasília), em Nova Jersey.

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos