Dono de um terço dos gols do time no Brasileiro, Jesus 'se salva' em derrota

Em 2015, quando marcou dois golaços contra o Cruzeiro no Mineirão, Gabriel Jesus ainda estava se firmando no Palmeiras. Quase um ano depois, o garoto voltou a marcar no estádio contra a Raposa, agora já como um dos destaques do Verdão. Com sete gols, ele briga pela artilharia do Campeonato Brasileiro e é dono de quase um terço dos gols do líder Verdão, que balançou as redes 22 vezes no torneio.

O ótimo desempenho está acima até do que o próprio camisa 33 esperava. Ao começar a temporada, ele havia colocado como meta fazer 15 gols até dezembro. Nesse sábado, com seis meses de antecedência, ele foi a 16, bateu o objetivo e foi um dos poucos elogiados por Cuca.

- Ele tem aproveitado bem, vive um grande momento. Foi um dos poucos que foi na média hoje, tem ajudado bastante, tomara que continue assim - analisou o treinador, depois da derrota para o Cruzeiro.

Aos 19 anos, o garoto tem chamado a atenção de clubes da Europa, como o Barcelona. Apesar das seguidas notícias de uma possível transferência, a tendência é de que o camisa 33 não receba proposta para sair nesta janela de meio de ano. Alheio aos rumores, Jesus pensa só no título brasileiro e por isso saiu de Belo Horizonte incomodado.

- Fico bastante feliz que esteja marcando, é claro que ajuda a equipe, mas mais importante que marcar gols é a vitória. Fico feliz pelo gol, mas chateado pela derrota, porque era um jogo que estava na nossa mão. A gente lutou o jogo todo, sempre buscando o gol deles, então saímos daqui chateados pela derrota - completou o garoto.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos