Pela paz, jogadores de Santos e São Paulo chegam no mesmo ônibus

Não só pelo clássico de número 300, mas antes mesmo da bola rolar para Santos e São Paulo, neste domingo, o jogo já é histórico. Jogadores e técnicos de Peixe e Tricolor chegaram ao estádio no mesmo ônibus.

A ação é uma campanha de paz. A Brahma, que patrocina as duas equipes, personalizou um ônibus com cores dos dois. A delegação do Santos saiu de um hotel na capital paulista. Já os são-paulinos saíram do CT da Barra Funda e encontraram os santistas em um estacionamento para ir ao Pacaembu.

O palco do jogo, aliás, foi um acordo entre os presidentes dos clubes, Modesto Roma Júnior e Leco. No segundo turno do Brasileirão, a ideia é repetir a ação.

Antes, eles haviam proposto que o Ministério Público suspendesse a medida de proibir torcida visitante nos clássicos paulistas, para que uma minoria de são-paulinos pudesse acompanhar o time no Pacaembu, o que não foi aceito. Tudo isso tem como objetivo propagar a paz entre os torcedores, devido aos recentes acontecimentos envolvendo violência entre torcedores rivais.

O jogo deste domingo, pela 11ª rodada do Brasileiro, é o de número 300 entre Santos e São Paulo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos