Após 94 dias de jejum, Kardec volta a marcar e ganha aval de Bauza

  • Rubens Cavallari/Folhapress

    Alan Kardec marcou para o São Paulo após longo período sem balançar a rede

    Alan Kardec marcou para o São Paulo após longo período sem balançar a rede

Em uma de suas melhores atuações nos últimos meses, Alan Kardec parece ter convencido Edgardo Bauza do quanto pode ajudar o São Paulo nos próximos jogos. Após o gol marcado de cabeça pelo centroavante, Patón tratou de elogiá-lo e afirmou que o mantém em seu radar no clube. Embora Jonathan Calleri siga como opção indiscutível no comando do ataque tricolor, a dedicação mostrada por Kardec convenceu - ele não marcada desde 27 de março, quando fez contra o Santos.

"É um atleta que sempre está pronto. Faz tudo para ajudar a equipe, às vezes entra em 15 minutos, às vezes menos. Ele sabe que o tenho muito presente. Tenho Calleri, mas ele é referência na área. Fico contente pelo gol, porque vem buscando. Vivem de gols. Eu me alegro por ele porque estava buscando. Tem de seguir trabalhando", analisou Patón.

Em números, Kardec foi participativo durante o confronto contra o Fluminense: fez três faltas e sofreu quatro. Foram dois chutes certos e um errado, além do gol marcado de cabeça. Dos 19 passes feitos, 15 deles foram certos e dois terminaram em finalização do companheiro.

A tendência é que o centroavante ganhe mais oportunidades nas próximas rodadas, já que nos dias 6 e 13 de julho o São Paulo disputa as semifinais da Copa Libertadores, contra o Atlético Nacional, da Colômbia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos