Delamore deixa o cargo de assistente técnico permanente do Cruzeiro

Após sete meses de sua chegada na Toca da Raposa, Geraldo Delamore não integra mais a comissão técnica do Cruzeiro. Delamore chegou para ser o assistente técnico permanente da equipe, porém a Raposa anunciou sua saída em nota no site oficial. Segundo a diretoria mineira, Geraldo optou em sair para trabalhar com projetos pessoais e profissionais.

- O Cruzeiro agradece ao profissional pelo relevante trabalho prestado ao clube e deseja muita sorte nos futuros projetos - diz o comunicado oficial do clube.

Geraldo Delamore chegou ao Cruzeiro na época em que Deivid havia sido contratado como novo treinador da equipe celeste. Após a demissão do ex-treinador, Delamore comandou a equipe em três partidas, até a chegada do português Paulo Bento. Foram duas vitórias na Copa do Brasil, contra Campinense e Londrina, e uma derrota no Campeonato Brasileiro para o Coritiba, no Couto Pereira.

Geraldo trabalhou com Tite, atual comandante da Seleção Brasileira, antes de chegar na Toca da Raposa para trabalhar. Foram 13 anos de parceria com o comandante, mas em 2013, Delamore começou a trabalhar como treinador e assumiu o comando do Juventude, onde disputou 16 partidas. Após uma sequência de cinco jogos sem vitórias, pediu demissão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos