Chamado de 'burro' contra a Chape, Jayme volta à frente do Flamengo

Com Zé Ricardo suspenso, Jayme de Almeida volta ao comando do Flamengo neste domingo, contra o Atlético-MG. O auxiliar técnico terá uma importante missão pela frente, já que a partida é fundamental para os objetivos do Rubro-Negro, de se reaproximar dos primeiros colocados. No período em que substituiu Muricy Ramalho, recentemente, ele não teve bons resultados: foram duas derrotas, incluindo a eliminação na Copa do Brasil, e um empate.

No último jogo em que esteve à beira do gramado, no empate de 2 a 2 com a Chapecoense, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, Jayme foi chamado de 'burro' por parte da torcida rubro-negra no Raulino de Oliveira. Naquela ocasião, o auxiliar foi criticado por tirar Felipe Vizeu do jogo. O atacante estava bem e tinha marcado um dos gols da equipe, porém sofreu com o desgaste físico, algo que os torcedores não tinham conhecimento.

Apesar da desconfiança de parte da torcida, Jayme conta com o apoio do grupo de jogadores do Flamengo. Ele é muito querido pelos atletas e também respeitado no clube, até mesmo pela postura sempre humilde.

Vale lembrar que Jayme também tem bons resultados à frente do Flamengo. Ele foi campeão da Copa do Brasil de 2013 e do Carioca de 2014, curiosamente os dois últimos títulos do futebol profissional do clube.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos