Prefeitura quer assumir o Maracanã e repassar gestão a Flamengo e Fluminense

A Prefeitura do Rio quer assumir a gestão do Maracanã e fazer uma concessão a Flamengo e Fluminense. O anúncio foi feito neste sábado, pelo prefeito do Rio, Eduardo Paes, durante lançamento da Transolímpica, na Zona Oeste do Rio. Neste sábado, a coluna do Ancelmo Gois, do jornal 'O Globo' publicou tal informação antes do pronunciamento do alcaide da Cidade Maravilhosa.

- Já conversei com o presidente do Flamengo (Eduardo Bandeira de Mello), mas não com o do Fluminense. Ele (Bandeira) vibrou com a ideia. Vou conversar com o Peter (Siemsen). Minha ideia é fazer a concessão para as torcidas do Flamengo e do Fluminense. Eles (os clubes) devem se organizam para ter uma empresa com capacidade para gerenciar - disse o prefeito.

Atualmente, o Maracanã S.A, que tem a concessão do estádio até 2048, já mostrou a intenção de devolver o Templo do Futebol após acumular prejuízos financeiros.

Recentemente, especulou-se a possibilidade da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) assumir a gestão do estádio. O Flamengo, por sua vez, já manifestou algumas vezes o interesse em administrar o Maracanã.

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, se mostrou receptivo à ideia do prefeito Eduardo Paes.

- Achei ótimo. O Flamengo estará pronto a colaborar e a assumir a gestão do Maracanã, independentemente de qual será o poder concedente, Estado ou Prefeitura - disse o mandatário ao jornal 'O Globo'.

Conforme o LANCE! noticiou recentemente, o Flamengo estuda três possibilidades para o assunto 'estádio': assumir o Maracanã, ampliar a Gávea ou partir para a construção de um estádio em Pedra de Guaratiba.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos