Fora de casa, Furacão bate Cruzeiro e agora está no G-4 do Brasileirão

O Atlético Paranaense visitou o Cruzeiro na noite desta segunda-feira e com uma ótima atuação no segundo tempo conseguiu vencer por 3 a 0, dentro do Mineirão. Os visitantes contaram com gols de Pablo e André Lima, duas vezes, para faturarem os três pontos e entrarem no G-4 da competição. Raposa deixou o campo com muitas vaias da torcida. Rafael Sóbis e Edimar fizeram seu primeiro jogo com a camisa celeste.

Com a derrota, o Cruzeiro ocupa a 15ª posição com 15 pontos conquistados, enquanto o Furacão é quarto, com 23. Na próxima rodada, o time mineiro visita o Fluminense, no Estádio Giulite Coutinho, no Rio de Janeiro, às 16h de domingo. No mesmo dia e horário, o Atlético-PR recebe o Vitória, na Arena da Baixada.

O JOGO

Os donos da casa começaram a partida indo para cima dos paranaenses e aos quatro minutos quase conseguiram abrir o placar com Willian. Após bela jogada do estreante Rafael Sóbis, o camisa 9 bateu para o gol e parou nas mãos de Weverton. Pouco tempo depois, o atacante teve outra oportunidade, porém mandou para fora.

Rafael Sóbis também levou perigo ao gol do Atlético Paranaense, aos 31. Cinco minutos depois, Weverton praticou uma linda defesa para evitar que Robinho marcasse o primeiro gol do jogo. Meio-Campo bateu forte de fora da área e o camisa 1 do rubro-negro se esticou todo para salvar o time visitante. O Furacão só conseguiu chegar no final da etapa inicial, mas Nikão e Vinícius não aproveitaram as chances que apareceram.

Equipes voltaram para o segundo tempo buscando mais o gol e antes dos cinco minutos, conseguiram criar uma chance cada. Com sete, a bola sobrou para Sóbis, que bateu cruzado, mas ninguém chegou para empurrar a bola para o fundo das redes. O camisa 7 ainda teve outra oportunidade de marcar, porém Weverton saiu e abafou o atacante.

O time do Atlético Paranaense conseguiu mudar o destino na partida em um período de dois minutos. Aos 20, Bruno Rodrigo errou o corte de cabeça e a bola sobrou nos pés de Pablo, para o atacante abrir o placar. Aos 22, Nikão fez boa jogada pela direita, rolou para o meio da área e André Lima só concluiu para ampliar. O Cruzeiro respondeu com Allano, mas Weverton salvou mais uma vez.

O time da casa se mandava ao ataque e em uma saída rápida o Furacão conseguiu fazer mais um. Marcos Guilherme arrancou, cruzou na cabeça de André Lima e o atacante fez o segundo dele no jogo. Com o resultado positivo, Autuori fechou sua equipe e esperou o apito final para garantir o triunfo em Belo Horizonte.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 0 X 3 ATLÉTICO-PR

Data/hora: 11/07/2016, às 20h

Local: Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Assistentes: Jose Eduardo Calza (RS) e Elio Nepomuceno (RS)

Cartões Amarelos: Arrascaeta (CRU); Weverton, Wanderson, Vinícius e Marcão (CAP)

Cartão Vermelho: Não houve.

Público e Renda: 32.042 pagantes - R$ 876.757,00

Gols: Pablo, 20'/2ºT (0-1); André Lima, 22'/ºT (0-2); André Lima, 34'/2ºT (0-3);

CRUZEIRO: Fábio; Lucas, Bruno Viana, Bruno Rodrigo e Edimar; Henrique, Ariel Cabral (Allano, 24'/2ºT), Robinho (Riascos, 30'/2ºT), Arrascaeta; Rafael Sóbis (Gino, 38'/2ºT) e Willian. TEC: Paulo Bento

ATLÉTICO-PR: Weverton; Léo, Paulo André, Wanderson e Sidcley; Otávio, Hernani, Vinícius (Marcos Guilherme, 16'/2ºT) e Nikão (Marcão, 33'/2ºT); Pablo e Walter (André Lima, 14'/2ºT). TEC: Paulo Autuori.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos