Santos expulsa supostos espiões do treino antes de clássico

  • Divulgação/SantosFC

Dois homens foram expulsos do CT Rei Pelé, no último sábado, durante jogos das categorias sub-17 e sub-15, por suspeita de espionagem. As partidas aconteciam ao mesmo tempo em que o técnico Dorival Júnior comandava um treinamento fechado antes de encarar o Palmeiras, na terça-feira, às 20h30, no Allianz Parque.

Os supostos espiões chamaram a atenção da comissão técnica santista pois estavam virados de costas para o jogo das categorias de base e de frente para o gramado onde o treino do Alvinegro acontecia.

Ao serem abordados por seguranças do Santos, um dos homens estava com uma caneta que grava imagens. Segundo informações do clube, os dois não se negaram a deixar o centro de treinamento.

Não há nenhum indício de que as duas pessoas são funcionárias de qualquer outro clube. Aparentemente, eles não foram reconhecidos por trabalharem em outra agremiação.

Dorival Júnior fecha os treinamentos do Peixe semanalmente. No ano passado, o acesso da imprensa às atividades foi restrito após uma derrota para o Grêmio, em Porto Alegre. Na época, a comissão técnica suspeitou que o Tricolor gaúcho obteve informações sobre a movimentação do Alvinegro antes da partida.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos