Por invencibilidade e cereja do bolo, Vasco pega o Santa na Copa do Brasil

Assim que a temporada começou, o Vasco traçou dois objetivos: retornar à elite do Campeonato Brasileiro e, se possível, conquistar a Copa do Brasil para chegar à Copa Libertadores. Nesta quarta-feira, às 21h45, contra o Santa Cruz, o time de Jorginho entra em campo em São Januário pela ida da terceira fase da busca da cereja do bolo. Como o próprio comandante denomina a chance da Libertadores. O site do LANCE! transmite o confronto em tempo real.

- Retornar para a primeira divisão é um objetivo claro nosso, mas a Copa do Brasil é um torneio que também almejamos. Se trata um campeonato importantíssimo para nós. É a cereja do nosso bolo. Seria fantástico retornar para a Série A com uma vaga na Libertadores. Sabemos que não vai ser fácil, muito pelo contrário, a tendência é que se torne complicado após a competição afunilar, mas temos condições. Por isso, vamos com o que temos de melhor - afirmou o técnico, em coletiva após o treino de terça-feira.

O bolo do Vasco está sendo construído desde janeiro. O sabor estava perfeito até o início do mês passado, quando acumulava uma série de invencibilidade de 34 partidas. As últimas semanas foram um pouco azedas para o clube, com quatro derrotas e uma certa desconfiança no trabalho. Ir bem na Copa do Brasil pode dar um novo gás ao torcedor. Jorginho lembrou as dificuldades que pode encontrar nesta noite.

- O Santa Cruz tem um time bastante perigoso e possui bons jogadores à disposição. Eles jogam numa formação razoavelmente ousada e temos que ter atenção. principalmente se vierem com o Grafite. Se trata de um grande jogador, que começou bem o Brasileiro e fez uma boa Copa do Nordeste. Só saberemos se vão priorizar essa ou outra competição quando a equipe deles estiver em campo. Antes disso, não temos como saber - destacou Jorginho.

Ainda há uma invencibilidade a ser defendida pelo Vasco. Na Copa do Brasil, em São Januário, a equipe não perde há 11 anos. A última derrota foi no dia 20 de abril de 2005, pela volta das oitavas de final: 3 a 0 para o Baraúnas, do Rio Grande do Norte. A escrita pode ser estendida diante do Santa Cruz e a cereja para o bolo mais próxima de ser conquistada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos