Levir Culpi elogia reforços: 'Nossa obrigação é subir de produtividade'

A chegada de reforços aliviou o clima nas Laranjeiras. Nesta sexta-feira, Levir Culpi voltou a apresentar o seu característico bom humor. Por outro lado, as cobranças não vão diminuir sobre sua equipe. Para o treinador, é obrigação do Tricolor subir de rendimento no Campeonato Brasileiro com os novos nomes.

- Estou ansioso (para colocá-los em campo). E tranquilo, porque a direção se mexeu rapidamente. O período de contratação é muito curto. Os jogadores passaram do limite na questão econômica. Temos quatro jogadores, eles precisam de um tempo de adaptação. Vamos ficar com o elenco praticamente fechado - avaliou Levir Culpi, antes de completar:

- A ideia é encorpar com jogadores de qualidade. Então a previsão é essa (mudar de patamar no Brasileiro). Chegaram reforços, vão encaixar o time vai subir de produtividade. A obrigação nossa é subir de produtividade - avaliou.

Nesta sexta-feira, nas Laranjeiras, Levir Culpi testou uma formação com três zagueiros: Gum, Henrique e Renato Chaves. O treinador afirmou que o teste não é apenas pensando no jogo de domingo, diante do Cruzeiro, e também para a sequência do Campeonato Brasileiro.

- As duas coisas. Para este jogo, temos o Cruzeiro e sua formação. Pode ser que a gente jogue assim. É importante que se treine para que os jogadores fiquem habituados, para uma ocasião no futuro - comentou o técnico.

Antes do jogo de domingo, o Fluminense ainda treina nesta sábado no Giulite Coutinho, palco da partida contra o Cruzeiro, pela 15ª rodada do Brasileirão.

O reencontro com a torcida foi celebrado por Levir, que avaliou a situação:

- Futebol sem torcida é igual dançar com a irmã. Não tem graça. O apoio da torcida vai nos ajudar a partir de agora.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos