Otimista, presidente do São Paulo fala em até dois reforços e banca Bauza

  • Gabriela Di Bella-18.jan.2016/Folhapress

    Leco diz que espera dois reforços até o fechamento da janela de transferências

    Leco diz que espera dois reforços até o fechamento da janela de transferências

A intenção do São Paulo é anunciar pelo menos dois reforços nesta terça-feira, data do encerramento da janela de transferências internacionais. Nesta tarde, horas antes do fim do prazo para as novas aquisições de jogadores vindo do exterior, o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva conversou com os jornalistas no CT da Barra Funda de maneira informal e indicou os planos do clube. Leco não falou em nomes, mas apresentou discurso otimista, apesar da dificuldade.

O presidente apontou com mais firmeza a chegada de um jogador para o ataque, mas espera ao menos duas contratações. Não pode ser considerado um número ideal, diante das perdas de Ganso, Alan Kardec e Calleri, mas satisfatório, na visão da diretoria tricolor.

Sem querer causar falsas expectativas nos torcedores, o presidente deu a entender que os reforços que forem anunciados agradarão, embora não sejam de pesos. Vale ressaltar que na conta da diretoria não entra Douglas, zagueiro de 26 anos, que está rescindindo seu vínculo com o Dnipro, da Ucrânia, e assinará contrato de dois anos com o Tricolor em seguida.

Uma situação Leco confirmou: assinou nesta terça-feira a renovação de contrato do goleiro Denis, até dezembro de 2017. O presidente também mostrou otimismo no que se refere à situação do técnico Edgardo Bauza.

Na última segunda-feira, Bauza declarou a uma rádio argentina que sua permanência ficaria complicada caso as contratações não venham. Leco, no entanto, minimizou e garantiu que o argentino seguirá no São Paulo aconteça o que acontecer.

O treinador argentino quer pelo menos um centroavante e dois jogadores que atuem na linha de três atrás do camisa 9, como Cueva e Michel Bastos, por exemplo. Milton Caraglio, centroavante do Tijuana (MEX), foi descartado, assim como Buffarini, lateral-direito do San Lorenzo (ARG) que também atua na segunda linha. Além de Ganso, Alan Kardec e Calleri, nesta terça-feira ficou confirmado o desfalque de Ytalo, que terá de operar o joelho direito. Ele tem um problema no menisco e perderá ao menos 40 dias. Só que ainda há suspeita de lesão no ligamento cruzado e, se confirmado, não atuará mais em 2016.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos